1

1

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Seminário Estadual da Pastoral Afro discutiu “Ações afirmativas e políticas públicas para o povo negro”

100_1288Com o tema “Ações afirmativas e políticas públicas para o povo negro” aconteceu nos dias 05 e 06 de maio o Seminário Estadual da Pastoral Afro do Regional Sul III da CNBB. O evento aconteceu no Centro de Pastoral da Paróquia Rede de Comunidades São José, em Gravataí e contou com representantes de diversas dioceses do estado, com a participação de Dom Gílio Felício (Bispo referencial da Pastoral Afro), com a presença de Dom Jaime Spengler, vigário episcopal do Vicariato de Gravataí, na celebração de abertura do evento e pelo Pároco, João Carlos Karling.

100_1300A temática iniciou com relato de representante da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembléia Legislativa, Rosangela Gafforelli, sobre a ação da Comissão com os imigrantes do Haiti que chegaram ao estado em busca de trabalho. Os haitianos presentes no encontro também fizeram relatos da tragédia que atingiu o país após o terremoto ocorrido em 2010, a busca pela reconstrução, por trabalho e melhores condições de vida em países como o Brasil. A professora Vera Triumpho falou sobre “Pastoral Afro no RS: uma história de ações afirmativas” resgatando a caminhada e os desafios da Pastoral Afro no estado. O tema “Trabalho inclusivo nos quilombos: um desafio à Pastoral Afro” foi abordado pela professora Eva Pinheiro e por Joel dos Santos. Outro tema trabalhado foi “Saúde da População Negra: um trabalho árduo e ainda pouco visível”, abordado por Carmem Susana de Lima, Stênio Rodrigues e José Maria Weist. A professora Nilda Alves, ao abordar o tema “Educação Étnica racial no Brasil”, falou de sua experiência como educadora e a prática pedagógica realizada em sala de aula com a educação infantil. Já a professora Adiles Lima, abordou o tema enfatizando a importância da Pastoral Afro para a implementação da Lei 10.639/03, que torna obrigatório nas escolas o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileiras. Sobre ações afirmativas na educação e no mundo do trabalho, a estudante Ana Maria Rodrigues dos Santos e a trabalhadora Tatiane Quirino fizeram relato que emocionou os participantes do encontro e confirmaram a importância de tais ações. No encerramento do Seminário, o coordenador da Pastoral Afro do Regional Sul 3 da CNBB, Olídio Mendes, reafirmou a importância do engajamento e fortalecimento da Pastoral no estado.

Impulsionados pelas palavras de Dom Gílio, proferidas na missa inculturada, realizada durante o evento, os (as) participantes seguiram para suas Dioceses com a missão e o compromisso profético de fortalecimento da caminhada da Pastoral Afro na luta pela construção do Reino de Deus, que quer igualdades de direitos, justiça e felicidade para todos (as).

Parabéns a todos que tornaram este seminário uma grande experiência de solidariedade, expressa na bela acolhida feita pela Paróquia, pelas famílias que hospedaram, pelas equipes de serviços, pela saborosa alimentação preparada com muito carinho e por todos os apoiadores que ajudaram na construção do evento, bem como no fortalecimento da Pastoral.

Angela Maria Rodrigues dos Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para mim... Caso você não tenha uma conta do Google e fizer seu comentário de forma anônima, não esqueça de deixar seu nome e seu e-mail para que eu possa entrar em contato com você!

PAZ & BEM!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...